FAÇA VOCÊ MESMO - Heal Tintas

Ir para o conteúdo

Menu principal

FAÇA VOCÊ MESMO

HEAL E VOCÊ > DICAS


DICAS




FAÇA VOCÊ MESMO

Pensar em mudar as cores das paredes é a primeira coisa que você pensa quando quer mudar o visual da sua casa, pois paredes repintadas fazem com que o ambiente fique com cara de novo. Se a sua intenção é dar ao ambiente um visual de novo, saiba como evitar alguns erros na hora de pintar sua casa com algumas dicas a seguir:

Lista de material: É importante verificar se você possui todos os materiais necessários para pintar sua casa (lixa, rolo de pintura, pincel, bandejinha de tinta, fita crepe, jornal, papelão ou plástico para forrar o piso, tinta, massa corrida, gesso, entre outros). É importante também comprar a quantidade de tinta certa, para isso basta você calcular o tamanho da área que será pintada.

Preparação:  Prepare a parede antes de pintá-la, se a parede já for pintada você apenas precisa lixar e os buracos tampe com massa corrida ou gesso.
Após lixar a parede, passe uma vassoura de pelo, para retirar todo o pó.


Prepare o espaço para a pintura: É recomendado preparar o espaço, forrando o piso com uma lona ou folhas de jornal. Também é necessário retirar todos os objetos pendentes, como quadros e espelhos, além de proteger os móveis, tomadas, interruptores, rodapés para que não sejam danificados.

Coloque fita-crepe também no teto, na emenda da quina com a parede.

Como pintar: Dilua a tinta conforme as instruções do fabricante. Pinte o contorno da parede e das peças fixas com pincel. Passe rolo na tinta e retire o excesso na bandejinha, deixando o rolo quase seco. Pinte com movimentos de “N”. Só passe a segunda demão quando a primeira secar.


Catálogo de cores: Use o catálogo de cores como base para o seu projeto, a cor da tinta no catálogo pode não ser do mesmo tom que a realidade, então antes de comprar uma lata grande, é preferível pedir uma amostra para fazer o teste numa pequena área.

Cores inapropriadas para o espaço: As cores vermelhas e laranjas são cores quentes, então elas só combinam com as áreas sociais, como a sala de estar. Já os tons frios, como azul ou verde faz com que o ambiente fique com um ar de tranquilidade, essas cores podem ser usadas em quartos. As cores usadas não adequadamente em lugares errados, o ambiente pode ficar pesando e até mesmo causar desconforto como dores de cabeça.


Qual cor pintar minha casa?


Segundo um estudo sobre a Psicologia das Cores, cada cor tem significado e efeitos em alguns ambientes.

Azul – Produtividade.
É uma ótima cor para trazer mais criatividade quando você estiver trabalhando no escritório.

O azul na tonalidade violeta invadiu as ruas, vestidos, bolsas, sapatos e também as decorações. A cor é tida como tendência para 2013 e permite combinações entre tons neutros, cítricos e brilhantes.

Verde – Tranquilidade.
Excelente para acalmar o sono no quarto.

Amarelo – Energia.  
Uma boa opção é coloca-la na cozinha, afinal nada como ganhar aquela energia enquanto você toma café da manhã.

Lilás – Relaxa.  
Pintar a sala com roxo clarinho, deixa o ambiente e as pessoas que o frequentam mais calmas.

Vermelho – Emoções fortes.  
Grande incentivo para paixões. Ótimo para os casais recém-casados! Além disso, fica muito bem na sala de jantar, pois estimula o apetite.


 
Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal